sábado, 19 de fevereiro de 2011

Cara, cadê o meu carro?

Eu não sou um cara que gosta de ver a mesma coisa sempre. Um exemplo disso é que eu não gosto de zerar um jogo novamente ou assistir a um filme duas vezes (Eu disse "um exemplo" e acabei citando dois, não foi?). Porém, pra me deixar mais confuso e arregaçar essa minha mania, eu já assisti a Cara, cadê o meu carro? 12 vezes. E assistiria de novo, se estivesse passando na tv. Eu até hoje não consigo entender o que tem nesse filme pra me prender tanto. E olhe que eu já assisti a filmes que me fizeram rir mais do que esse.

O filme por completo é um imenso clichê. Bastaria você juntar alguns tópicos do TvTropes e voilà! Você tem o filme. Com direito às piadinhas e tudo mais.

Mais alguma cooooisa?

O enredo se inicia quando Jesse (Ashton Kutcher, o mesmo de Efeito Borboleta) acorda da noitada anterior. Sem lembranças, porém com a certeza de que precisa encontrar o seu carro, ele sai com Chester (Seann William Scott) numa aventura atrás do automóvel. O filme gira praticamente em torno do carro e de referências no começo da trama, às vezes de forma lógica e racional.

Como se eu falar mais alguma coisa tira a graça, vou deixar o link pra baixar o filme. É uma boa dica, caso não esteja fazendo nada.

2 comentários:

  1. esse filme prende vce pqe vce ja teve uma noitada e acordou sem lembrar das coisas!

    ResponderExcluir
  2. a propósito, tbm viajo nesse filme.

    ResponderExcluir